Casamento :: Flavinha e Diogo



31 de agosto de 2017 - Postado em: Casamentos Reais

Estou aqui vendo as fotos desse casamento e lembrando que foi um dos mais lindos que presenciei.

A Flavinha chegou na minha vida por causa do blog e hoje tenho a honra de publicar esse dia tão especial para ela e para o Diogo.

Amor real. Isso que a gente vê nesse casamento. Daqueles genuínos que faz um bem danado pra quem está por perto… e eu tive a sorte de estar.

Na mente as palavras do noivo: “É um conto de fadas… só que melhor”.

Como boa jornalista,  a noiva nos contou com detalhes como foi tudo:

Magia é o que define o nosso casamento. Além de estarem todos os nossos amigos e familiares que amamos tanto, o nosso grande dia foi cheio de energias, boas vibrações e sentimento. Muito sentimento.  Afinal, eu e o Diogo lutamos tanto para ficar juntos.  Somos melhores amigos antes mesmo da nossa história começar e passamos por muitas dificuldades. Passar o resto da vida um ao lado do outro é a melhor recompensa que poderíamos ter.
Sobre os preparativos do casamento costumo dizer que eu comecei antes mesmo de conhecer o Diogo. Como assessora de imprensa, sempre trabalhei no mundo dos eventos, além disso, confesso que sempre fui aficionada pelos blogs e revistas de noivas. Eu sempre estava de olho nas novidades e, por isso, já sabia por onde começar.  Só precisava mesmo de conhecer os fornecedores certos para nos ajudar a colocar a mão na massa.
Antes de olharmos qualquer coisa procurarmos o Adriano Ferreira, do Estúdio Pix. Ele é amigo da minha cunhada e da minha irmã. Além disso, eu já acompanhava o trabalho dele. Sem dúvida queríamos ele.
Fechado o primeiro contrato, fomos para o desafio do local. Queríamos um lugar rústico, ao ar livre, rodeado pela natureza, com ar bucólico, muito charme e com um preço bom. Eu achei que haveria um milhão de opções, mas nossa, essa foi a parte mais difícil. Os valores eram altíssimos e  sempre tinha um porém. Mas eu pesquisei insanamente até encontrar na internet um anúncio que me  encheu os olhos, afinal era em Macacos, um lugarzinho muito especial, perto de BH  e que eu e o Diogo amamos. Combinei com o Werner, dono do Sebastião Eventos, de visitar o espaço. Foi amor a primeira vista. Assim que chegamos lá eu disse “é aqui que vamos casar”.
Minha grande sorte é que o Werner não é só super  cuidadoso com o estabelecimento dele, mas super exigente com os seus parceiros. A primeira indicação dele foi a Beth, da Victory Eventos, que foi a responsável pela decoração e pelo cerimonial. Eu encho a boca para falar que a Beth é a fada madrinha do nosso casamento. Ela se envolveu com a nossa história, ouviu nossos medos, nossos pedidos e vibrava com cada passo dos preparativos. Com o tema pingo de luz, ela e sua equipe criaram uma atmosfera iluminada e romântica. As ideias brotam da cabeça dela a todo minuto e o nosso casamento tomou uma proporção muito maior do que imaginávamos. Além disso, em cada detalhe havia um pedacinho da nossa cara. Velas, castiçais, flores, fitas, pallets, garrafas de todas as cores e tamanhos, fotos dos casamentos dos nossos tios, pais e avós, estandartes dos santos de Junho…Tudo isso no mesmo local, mas com harmonia e sofisticação.
A segunda indicação do Werner foi o Mega Buffet Fest, da querida Rosa. Eles são de Ibirité e foi uma verdadeira surpresa. Além do preço maravilhoso, o buffet, elogiado por todos,  era farto e delicioso. De coxinha de frango a casquinha de siri. Foi tudo perfeito!
Decoração, local, cerimonial e buffet ok. E agora? Mal eu sabia que ainda havia muitos detalhes. Começamos a pensar como seria a cerimônia. Eu e o Diogo não somos nada tradicionais e não queríamos um padre ou outra pessoal que não se envolvessem com a nossa história. Acabamos conhecendo o Padre Jorge, da Igreja Católica Ortodoxa. Ao contrário do que imaginei, essa vertente é muito  mais liberal e mente aberta. Mas o que nos encantou foi o Padre, um verdadeiro amigo que fizemos.  No nosso primeiro encontro, em um café, conversamos, nós três, por mais de três horas.  E, como esperávamos, a cerimônia foi o reflexo disso. Abrimos nosso coração para ele e o Padre traduziu em belíssimas palavras o nosso amor.
Por fim, precisávamos de música!  Meu marido é cantor e alucinado por rock and roll. Esse era então um quesito muito importante. Por indicação também do Werner chegamos ao DJ Raffa Henriques que, com sua querida esposa e braço direito, a Patrícia, foram a nossa casa e apresentaram o trabalho deles. A empatia foi imediata. O cara é insano!!!! Não deixou ninguém parado nenhum minuto. Além disso, ele ajudou o Diogo na grande surpresa que  ele preparou para mim. Durante a festa o Diogo cantou uma versão especial de “Faroeste Caboclo”, em que contava a nossa história. Todo mundo foi à loucura. O pessoal também se surpreendeu com nosso talento na pista com a nossa primeira dança. Não foi valsa, não foi bolero… Nada disso. Escolhemos nada menos que Despacito. No meio da música simulamos que o Diogo teve uma crise da coluna e muita gente acreditou. O fato é que casal que vai até o chão juntos, é mais feliz. rsrsrs
Por fim, não posso deixar de dizer que nosso grande dia foi também feito pelas mãos da minha mãe, minha tia Vânia, minha sogra e amigas. Todo mundo contribui! Elas fizeram os guardanapos, porta-guardanapos, lembrancinhas dos padrinhos, buquê de Santo Antônio e pães de mel (feito pela Ana Paula, minha amiga cozinheira de mão cheia). Tudo tinha um toque de amor, de expectativa e de boas energias que, sem dúvida, irão refletir ao longo da nossa vida de casados!

Agora é respirar e ver como foi tudo lindo nos cliques do Estúdio Pix:

0 making_noiva_001 0 making_noiva_007 0 making_noiva_017 0 making_noiva_031 0 making_noiva_071 0 making_noiva_080 0 making_noiva_086 0 making_noiva_097 0 making_noiva_101 0 making_noiva_107 0 making_noivo_008 0 making_noivo_025 0 making_noivo_032 0 making_noivo_035 0 making_noivo_042 0 making_noivo_053 0 making_noivo_055 1 decoracao_004 1 decoracao_013 1 decoracao_041 1 decoracao_049 1 decoracao_061 1 decoracao_068 cerimonia_107 cerimonia_124 cerimonia_131 cerimonia_143 cerimonia_149 cerimonia_156 cerimonia_163 cerimonia_173 cerimonia_183 cerimonia_191 cerimonia_197 cerimonia_205 cerimonia_214 cerimonia_245 cerimonia_392 cerimonia_394 cerimonia_401 cerimonia_404 cerimonia_408 cerimonia_424 cerimonia_434 cerimonia_447 cerimonia_449 recepcao_023 recepcao_056 recepcao_143 recepcao_151 recepcao_163 recepcao_242 recepcao_280 recepcao_291 recepcao_297 recepcao_311 recepcao_339

:: Fornecedores do Casamento ::
local Sebastião Eventos | buffet Mega Fest Buffet | cerimonial Victory Eventos | iluminação Backstage BH | música DJ Raffa Henriques – Backstage BH | música cerimônia Amábile Musical | celebrante Padre Jorge | vestido e acessórios Poizon Cymbelline | foto e filmagem Estúdio Pix | vestido da daminha emprestado pela amiga Letícia Godoi, autora do Blog Caso eu Case | pães de mel Ana Paula, amiga dos noivos

Por
Tags:

E-session :: Flávia e Diogo



17 de julho de 2017 - Postado em: E-Sessions

Eles já casaram e quem acompanha o instagram do blog (quem não corre no @bhcasamentos) viu vários momentos do casamento que foi superrrr bacana, com direito a música especial composta pelo noivo. Mas isso conto depois.

Hoje eles vieram mostrar pra gente as fotos pré-casamento que foi tipo uma novela fazer: a chuva os perseguiu e tiveram que desmarcar quatro vezes por conta do tempo. Mas no final tudo deu super certo, um dia passear e namorar muito em meio aos preparativos do casamento – e em Macacos, o lugar escolhido para celebrar essa união.

Eu amo a história dos dois… amor e mais amor:

Eles poderiam ter se esbarrado em 2006, quando começaram a estudar na PUC, no mesmo prédio, frequentando os mesmos lugares e tendo os mesmos amigos. Mas não foi bem assim. A história começou torta e isso faz dela ainda mais linda e especial. Diogo e Flavinha se conheceram em março de 2013, em uma aula horrorosa na UFMG. Não precisou de nenhum esforço, a empatia foi imediata. O tempo passou, fizeram algumas aulas juntos, conversaram pelo Facebook, nos corredores do prédio da Letras, trocaram muitas ideias sobre intercâmbios, trabalho e algumas coisas sobre a vida. Eram bons colegas. A amizade veio em 2014, quando ela foi estagiária dele no colégio. A admiração surgiu e a sintonia um com o outro era tão intensa que foram chamados de namorados pelos alunos dele antes mesmo de passar qualquer coisa pela cabeça dos dois. Riram daquilo e só. A primeira cerveja foi no dia 3 de julho. Entre um gole e o outro ela cuidava de uma crise de um cliente e ele esperava feliz. Choraram, riram e beberam juntos. Tudo isso no mesmo dia. Algum tempo depois aquela amizade toda incomodava. Não era só isso, era muito mais. Tinham uma necessidade do outro que é difícil de explicar. Foram meses de angústia, expectativa, declarações de amor e planos que não sabiam se um dia se realizariam. Até que a vida deixou de ser torta. Desde o primeiro beijo eles sabiam que aquilo era para sempre. Viajaram, passearam, riram, sofreram, discutiram, compartilharam as famílias e os amigos. Em pouco tempo viveram mais que muitos casais vivem em anos. Estão casados no civil desde o dia 26 de janeiro de 2017 e o papel reforçou ainda mais a vontade imensa de continuarem, para o resto da vida, vendo seriados juntos, bebendo vinho, dançando na cozinha e dormindo com o pé enroscado. São um só e adoram isso.

A beleza da noiva ficou por conta de Flávia Pinho (make) e Alessandra Braga (cabelo) e os cliques lindos by Estúdio Pix:

e_session_003 e_session_010 e_session_013 e_session_016 e_session_017 e_session_020 e_session_034 e_session_037 e_session_041 e_session_043 e_session_046 e_session_070 e_session_071 e_session_088 e_session_089 e_session_107 e_session_117 e_session_118 e_session_122 e_session_132 e_session_138 e_session_152 e_session_163 e_session_165 e_session_166 e_session_169 e_session_170 e_session_172 e_session_176 e_session_177 e_session_178 e_session_188 e_session_195 e_session_197

Por
Tags:

Casamento em Macacos :: Marcela e Fernando



10 de maio de 2017 - Postado em: Casamentos Reais

Sonhar com um casamento ao ar livre é também ter em mente que será necessário um plano B caso a natureza não ajude e mande chuva.

Sempre converso com as noivas para terem calma e prepararem a cabeça para usar o plano B… vale pensar que o mais importante é a união com a pessoa amada, seja como for.

Marcela e Fernando deram sorte… o segundo plano já estava quase valendo quando a chuva parou e o sonho de casar ao ar livre foi realizado, contanto com bons momentos de descontração e ainda com o ritual das areias, aquele em que os noivos misturam as suas areias, simbolizando o nascimento de uma nova família.

Ahhh!!! Tenho que contar pra vocês que a história de amor deles começou na adolescência, mas não ficaram juntos “de cara”, se reencontraram após vários anos e resolveram ser felizes juntos. Lindo, né?! Amo essas histórias de encontro e reencontro.

Confiram como foi esse dia lindo nos cliques de Contando Histórias Fotografia:

mf1 mf2 mf3 mf4 mf5 mf6 mf7 mf8 mf9 mf10 mf11 mf12 mf13 mf14 mf15 mf16 mf17 mf18 mf19 mf20 mf21 mf22 mf23 mf24 mf25 mf26 mf27 mf28 mf29 mf30 mf31 mf32 mf33 mf34 mf35 mf36 mf37 mf38 mf39 mf40 mf41 mf42

:: Fornecedores do Casamento ::
cabelo e maquiagem Diogo Atannázio | decoração Alessandra Martins Decorações | cerimonial Carolina Pimentel | buffet Mega Fest Buffet | iluminação, som e DJ BH Fest | música cerimônia Som Wave | bem casados Elvania Aganet | celebrante Mariglei Borges | acessórios Luciana Dias Machado | vestido Leda Noivas | fotos Contando Histórias Fotografia | local Sebastião Eventos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Por
Tags:
Página 1 de 212
Voltar ao topo