Carregando..
guia de fornecedores
ou

Dica :: hora de se entrosar com a nova família

CasadosVida em Família
Dica :: hora de se entrosar com a nova família

As pessoas são diferentes… e conhecê-las, principalmente sendo da nossa-nova-família, faz bem para nós e para nosso relacionamento.

Eu não sou daquelas difíceis de conviver. Busco me sentir bem em todos os lugares, principalmente no ambiente de meu maridinho, e me dou bem com a família dele.

Sei que para algumas pessoas ter que conviver com a família do namorado/noivo/marido não é fácil, mas vale a pena tentar ter o melhor relacionamento possível.

Eu tenho um blog particular, o Momentos Codificados (que está temporariamente de férias) e logo depois do casório procurei algumas dicas na net sobre tudo da “nova vida”. Tem algumas coisas bem bacanas que vou reproduzir por aqui também, combinado??

Então vamos às essas dicas sobre relacionamento com a família que gostei muito:

padrasto e mãe do Ramiro e meus pais – foto by tia Edir
Você acaba de se casar e, além de seu cônjuge, ganhou uma família nova. Veja algumas formas de sobreviver à transição e desenvolver uma relação amistosa com os novos parentes:

1 – Tente compreender de fato como o seu cônjuge se relaciona com seus pais e irmãos, caso os tenha.

2 – Não pense que os relacionamentos na família de seu parceiro espelharão os relacionamentos de sua família.

3 – Encontre tempo e se esforce para conhecer os familiares de seu cônjuge. Se vocês moram longe, mantenha contato.

4 – Não se ofenda com facilidade. Você pode não entender como funcionam as coisas em sua nova família.

5 – Não deixe de observar as tradições familiares de seu cônjuge. Você leva uma lembrança quando vai a um almoço? Deveria escrever um cartão de agradecimento ou telefonar? O que eles gostam de comer e beber? Como é o senso de humor deles? Pode-se discutir política e religião com eles?

6 – Não critique a família de seu cônjuge. É muito melhor pedir explicações sobre aquilo que você não compreende.

7 – Seja gentil e bem-educada. Encante-os, mas não os bajule.

8 – Não pense que eles compreendem como você se sente. E não tome seus comentários e reações de forma pessoal – você pode ter entendido tudo errado.

9 – Pense no que será melhor para você e seu parceiro antes de tentar agradar a família dele.

10 – Não ignore seu parceiro enquanto estiver com sua própria família. Não deixe de conversar com sua irmã e colocar os assuntos em dia com seu pai, mas não se esqueça de reavivar a cumplicidade entre vocês, incluindo o parceiro na conversa.

11 – Não deixe de perguntar a seu cônjuge quais as impressões dele após um encontro com seus familiares. Um “relatório completo” pode ser útil para ambos.

(Fonte: Dicas Secretas – Reader’s Digest – in Yahoo)


fornecedores


voltar ao topo