Carregando..
guia de fornecedores
ou

Uísque: Servir ou não na Festa?

O Casamento
Uísque: Servir ou não na Festa?

Após presenciar alguns casamentos, e também conversar com alguns noivos, ou homens já casados, percebi uma questão que parece sem importância, mas que para nós homens, tem sim seu valor: o direito ou não de servir uísque aos convidados do casamento.

Mas essa conversa também passa por outras questões, principalmente o custo disso. Se o noivo fizer questão absoluta de servir a bebida na festa, isso pode não afetar muito orçamento… afinal, pode-se abrir mão de outra bebida, cortar algum custo de outro serviço ou encomendar a algum(ns) conhecido (s) que vão ao exterior para que no retorno compre uísque no free shop.

whisky no casamento

O fator principal a se levar em conta é o perfil dos seus convidados. Apesar de apoiar o noivo que faça questão de servir o uísque (se ele fizer questão absoluta disso), digo que no meu casamento não teve essa bebida. Mas isso foi exatamente porque, apesar de gostar de uísque, o perfil dos meus amigos, dos amigos da Elaine e dos nossos parentes não era esse.

Servimos cerveja e espumante, e a festa foi muito elogiada também nesse quesito. Mas faço aqui uma defesa veemente dos noivos que desejam ter uísque (ou qualquer outra bebida-sempre usando o bom senso). Uma conversa franca com a noiva, e com argumentos sérios, você poderá “dobrar” sua noiva.

Existe também o outro lado: noivas que não ligam para esse detalhe, e até apoiam o noivo; mais ainda, algumas noivas que são as apreciadoras da bebida e elas é que fazem questão de servir o uísque. Afinal, estamos falando de uma bebida que é símbolo de elegância.

Que tal um uisquinho na festa de vocês?

Whisky 2

 Fotos: Google Imagens

fornecedores


voltar ao topo